13/09/2010

Jogos


ONTEM e HOJE
 SEM NUNCA PERDER ACTUALIDADE. 
Usado por homens e mulheres, num jogo que raramente não deixa atrás de si, sentimentos de raiva, de vergonha, de medo, e de desacreditar no ser humano.





Passam-lhes na vida
como jogo ou aposta

Falam
Trilham

caminho a seu lado
em prosas nocturnas
numa transparência
de céu nublado

o trunfo é de copas
como convém
no jogo jogado

derrubam barreiras
d’ incertezas e medos
distribuindo um jogo
que já vem viciado

e deixam que ganhe
se livrem das guardas

e quando já pensa ter facturado
Investe forte
prepara o bote
mas 
se um volte de sorte

desvanece o interesse
desculpas esfarrapadas

E é questão de tempo
que na mesa bata, num
estrondoso silêncio
o
ÁS… de espadas


Sabes "amigo/a"

nem sempre na vida
ganhar é vencer
ou
vencido é despojo

De olhar atento
voltou ao que era
vivendo sem jogo
a vida nas calmas

Ganhaste?... perdeu?
Ai como te enganas…


Tudo na vida serve de ensinamento a quem quiser aprender


a minha visão acerca de algumas "amizades" virtuais (ou não)


*****
2010.09.13
nn(in)metamorphosis

1 comentário:

  1. Nem mais!
    Aqui está retratada a realidade, virtual, ou nem por isso.

    Gostei!

    Pétala

    ResponderEliminar