OUTRAS PUPAS

Outras pupas

05/10/2013

Era uma vez




Se soubesses contar histórias, e numa delas me dissesses pequena, tão pequenina que caberia na tua mão, eu iria rir e embarcar nessa ilusão. E se me dissesses, que era bom, eu ser assim pequenina, porque poderias guardar-me no bolso da camisa, do lado esquerdo bem perto do coração, junto à pele, ao morno do teu perfume. Bom, aí… correria a afundar-me num abraço teu, daqueles que me fariam sentir mesmo pequenina, só porque, sabes, eu gosto de ti.


      *****
       05-10-2013
nn(in)metamorphosis


1 comentário: