23/11/2015

Romaneando


Aos ombros os dias e as noites, até a imensidão do mundo
Aos ombros a força e a fraqueza, numa luta diária, em mangas arregaçadas.

*****
2015-11-23
nn(in)metamorphosis





2 comentários:

  1. Dignidade oblige.

    Uma boa semana :)

    ResponderEliminar
  2. Felizmente que os ombros carregam tudo e muito mais.
    Beijinho N :)

    ResponderEliminar