OUTRAS PUPAS

Outras pupas

12/10/2009

Esta noite sonhei contigo




Esta noite sonhei contigo
Nunca te vi o rosto, apenas a tua mão segurando a minha mas, sabia que eras tu... e sabes, os momentos sonhados não eram tão velhos assim, mas a minha imagem era a de criança ainda de rabo de cavalo bem louro.
Andamos pela nossa cidade e tu levaste-me ao Majestic e eu vi os meus olhos brilharem de contentamento diante daquela torrada bem lourinha com muita manteiga como eu gostava…gosto? Já nem sei…
Tanta coisa se passou na minha vida, tantas e algumas tão más e tu não estavas cá, e eu precisava tanto do teu colo.
Perdi-te, e na hora da despedida , pediram-me para dizer alguma coisa… dizer o quê? que não escolhemos os nossos pais, mas se pudéssemos, era a ti que eu tinha escolhido.
Não te disse adeus e há quem diga que o devia ter feito, mas adeus é para quem morre, e tu Pai estás bem vivo no meu peito.
14.03.2009
10h35, saio da gare de camionagem na Batalha, paro… e um sol lindo acompanhado por uma aragem fresca abate-se sobre mim, como que a dizer.. bem vinda a casa.
As lágrimas rasam-me os olhos… que saudade… nem eu, tinha noção do seu tamanho.
E fui andando, olhando tudo como se fosse a primeira vez …. Pessoas que passam, fixam-me como se perguntando, chora e sorri!!!???
Fui ao Majestic, tomar café contigo pai… e houve um momento em que senti que, se esticasse o braço te tocava.
Da emoção não falo, porque não sei descrevê-la por palavras.
Saí e deambulei por aquelas ruas, está tão diferente pai, nem parece a nossa cidade… falta-lhe o teu e o meu riso, que dizem ser tão iguais, falta a mão que me dava segurança e me fazia sentir dona do mundo. Caminho e apenas sorrio, porque saudade não ri, somente sorri por entre lágrimas…
Até breve… eu vou voltar mais vezes


*****
2009.02.25


1 comentário:

  1. Que lindo Noname. É mesmo isso, apesar de partirem fisicamente, não lhes dizemos adeus pois picam para sempre conosco. Beijinho

    ResponderEliminar